Hortelã: para que serve, como ajuda em nossa saúde, como usar e como fazer o chá

Hortelã: para que serve, como ajuda em nossa saúde, como usar e como fazer o chá

A hortelã comum, conhecida cientificamente como Mentha spicata, é uma planta medicinal e aromática, com propriedades que ajudam a tratar problemas digestivos, como má digestão, flatulência, enjoo ou vômitos, por exemplo, mas a hortelã também tem efeitos calmantes e expectorantes. Uma das principais utilizações do chá de hortelã é para diminuir gases intestinais, tratar-se de um ótimo remédio caseiro para flatulência, pois esta planta medicinal possui propriedades anti-espasmódicas, diminuindo os movimentos do intestino e evitando a formação dos gases e a dor.

• Como fazer chá de hortelã
Para fazer o chá de hortelã, basta colocar 3 colheres de folhas secas de hortelão em 250 ml de água fervente e tampar durante 5 minutos, coar e beber o chá entre 2 a 4 vezes ao longo do dia. Em alternativa as folhas frescas retiradas da planta também podem ser utilizadas.

Além deste chá de hortelã para flatulência, é importante evitar ingerir alimentos que provocam gases, como feijão, grão de bico, nabo, brócolis ou rabanete, por exemplo.
Porém além de chá os benefícios desta planta podem ser aproveitados de diversas formas, sendo utilizada como tempero na culinária, extrato seco ou como óleo essencial, ótimo para massagens e aromaterapia para aliviar dor de cabeça e musculares.
Esta espécie de hortelã, também conhecida como hortelã verde, das-hortas ou vulgar, tem as folhas mais grossas e arredondadas, e é um dos tipos menta, grupo da qual também faz parte a hortelã-pimenta, que é mais ardida e tem as folhas compridas e finas.
• Para que serve a Hortelã
A hortelã é rica em vitaminas A e C, e minerais, como ferro, cálcio, fósforo e potássio, e possui principalmente propriedade antioxidantes e estimuladoras da imunidade. Assim, a hortelã serve para:
Aliviar gases intestinais, pois esta planta tem efeito anti-espasmódico, capaz de diminuir cólicas intestinais e alterações digestivas, e anti-emético, aliviando náuseas e vômitos;
Facilitar a digestão e diminuir a azia, por ativar a produção de bile e melhorar a função do sistema digestivo;
Ajudar a aliviar a febre, principalmente quando associado com gengibre, pois estimula a circulação;
Combater a dor de cabeça, por ser vasodilatador e capaz de ativar a circulação;
Diminuir sintomas de estresse, ansiedade e agitação por ter efeitos tranquilizantes;
Agir como antisséptico, capaz de dificultar o crescimento de bactérias e amebas no trato digestivo.
Além disso, a hortelã serve para auxiliar no tratamento de gripes e resfriados, pois contém ácido ascórbico, mentol e tinol em sua composição, tendo uma ação expectorante e descongestionante.
Tomar o chá de hortelã frequentemente melhora o funcionamento de todo o organismo, ele pode ser utilizado como tempero em refeições de carne como cabrito ou porco e também aromatizando sopas ou até em sucos de fruta como limão ou abacaxi por exemplo.
Como usar hortelã em diferentes apresentações
Os benefícios da hortelã podem ser aproveitados na forma de:
Folhas ou extratos secos, para temperar alimentos e fazer chás. Confira os algumas receitas sobre como fazer chá de hortelã.
Óleo essencial, como forma de aromaterapia ou massagens relaxantes e revigorantes;
Cápsulas, para consumo diária de forma mais concentrada;
Cosméticos, para contribuir com seus efeitos revigorantes e antissépticos na pele;
A dosagem usada em cada situação depende da forma e do produto, sendo especificada no rótulo da embalagem ou caixa de instruções do fabricante e, em caso de dúvida quanto ao uso, deve-se consultar o médico antes.
A hortelã pode ser comprada em lojas de produtos naturais, farmácias de manipulação ou mercados livres, e, além disso, é possível adquirir uma muda em uma loja especializada em jardim, para que ela possa ser cultivada em vasos em casa.

Contra indicação:
• A hortelã deve ser evitada por pessoas com refluxo grave ou hérnia de hiato, além de grávidas, mulheres que estejam amamentando e crianças com menos de 5 anos, pois o mentol que constitui a hortelã pode causar falta de ar e asfixia.
Publicação: BASEADO EM EVIDÊNCIA CIENTÍFICA

” Transmita seu amor atrvés de seu conhecimento, compartilhe com amigos e familiares!!!

Envie seu comentário